Os meios e as mensagens

Se é preciso democratizar as comunicações no Brasil, como quer o programa de governo do PT, é porque elas não são democráticas, concluiria o Conselheiro Acácio.

Mas aqui qualquer um pode abrir um jornal, uma rádio ou uma emissora de TV, dependendo de seus recursos para montar e manter o veículo.

E de sua capacidade de conquistar audiência.

Com a infinidade de canais que hoje o mundo digital oferece, é fácil para qualquer sindicato, ONG ou movimento social ter o seu canal de televisão.

O difícil é ter espectadores.

Na internet, ninguém precisa de nenhuma autorização, ou de muito dinheiro, para botar no ar sua rádio, jornal, revista ou televisão — basta ter competência e audiência. O que pode ser mais democrático do que isto? Não é por falta de democracia que as esquerdas não conseguem fazer um veiculo de massa de sucesso popular, mesmo com todas as verbas e a “vontade política” oficial. O último foi o “Pasquim”, menos por ser de esquerda do que por ridicularizar a ditadura que oprimia a todos.

Alguém duvida que a Globo, a Record, a Band, a Rede TV e o SBT disputam cada centavo do mercado, cobrando por cada espectador conquistado? Dezenas de canais a cabo não competem ferozmente por assinantes e anunciantes? Os jornais não estão disputando leitores nas bancas e on-line? Não há livre concorrência? Então que monopólio é esse que eles querem acabar? Por que ninguém vê a TV Brasil? Por que “A Voz Operária” é menos lida do que “O Estado de S. Paulo”? Por que a “Carta Capital” só tem uma fração dos leitores da “Veja”? Não se trata de quem é melhor ou pior, é só uma livre escolha do público.

E nas escolhas democráticas, às vezes, a maioria está errada, mas o que fazer, acabar com a democracia? Ou com a maioria? Quem sabe, com o tempo e mais governos petistas, os brasileiros ganhem educação, consciência política e bom gosto e façam da “Voz Operária”, da TV Brasil e da “Carta Capital” campeões de audiência ? Já em Cuba, na Coreia do Norte, na Venezuela e no Irã, quem falar em democratizar as comunicações vai preso.

Porque lá elas já estão democratizadas, concluiria o Conselheiro.

RELACIONADOS

Deixe um comentário

3 comments

  1. Cristiana Castro

    Como sempre, o comentário não passou… Uma pena. Essa é a democracia do Millenium. ( esse vai passar ).

  2. Cristiana Castro

    Não disse?

  3. Caxaço

    Nelson o teu comentario e valido, massssss voce ta tomando remedio sem ler
    a bula, com esse governo não tem argumento, a dilma parece que bebe o cabo eleitoral dela, essse bebe, e ai voce quer o que…….?