Pedro Cavalcanti Ferreira
Ph.D. em economia pela Universidade da Pensilvânia, Pedro Cavalcanti Ferreira coordena o mestrado em Finanças e Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV-RJ). Em 1993, recebeu o Prêmio Haralambos Simeonides, concedido anualmente pela Associação Nacional dos Centros de Pós-Graduação em Economia (ANPEC) as melhores teses, livros e artigos de economia. Ferreira desenvolveu pesquisas sobre os efeitos de barreiras comerciais na produtividade dos países e o impacto da longevidade sobre decisões de educação e trabalho. Publica artigos no jornal “Valor Econômico”. O economista é formado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ) e tem mestrado pela mesma universidade. Participou da organização do livro "Desenvolvimento econômico - Uma perspectiva econômica" (Editora Campus, 2012).

Levy por Meirelles?

Após a desastrada gestão de Dilma I, o país encontra-se duplamente desajustado em termos econômicos. Mas em vez de se encarar os problemas com realismo, há sinais de...

Sabotando o ajuste

*Pedro Cavalcanti Ferreira e Renato Fragelli Cardoso Neste momento em que o país atola na sua maior crise econômica desde 2002, o PT, economistas de esquerda e mesmo o ...

A miopia do pacote

Por Pedro Cavalcanti Ferreira e Renato Fragelli* No início desta semana, o governo anunciou um pacote de medidas que se concentram no aumento de impostos, como a reintro...

Foi a nova matriz

Por Pedro Cavalcanti Ferreira e Renato Fragelli* O debate recente entre os analistas tem sustentado que a desastrada política econômica adotada após a crise do subprim...

Sem motivos para otimismo

Por Pedro Cavalcanti Ferreira e Renato Fragelli Cardoso* O Brasil encontra-se em uma situação econômica bastante delicada. A inflação prevista para este ano está em...

Reformulando o BNDES

* Pedro Cavalcanti Ferreira e Renato Fragelli Neste momento em que as desastradas políticas adotadas ao longo do primeiro mandato de Dilma Rousseff cobram da nação um ...

Retrocesso microeconômico

*Pedro Cavalcanti Ferreira e Renato Fragelli Neste momento em que o desarranjo macroeconômico gestado ao longo do primeiro mandato de Dilma Rousseff apresenta sua pesada...

Ajuste? Que ajuste?

Por Pedro Cavalcanti Ferreira e Renato Fragelli Uma análise objetiva das condições atuais da economia brasileira – crescimento pífio, inflação persistentemente no...

Os desenvolvimentistas no poder

Em nenhum momento do passado recente houve tanta unanimidade ideológica entre os formuladores da política econômica como no atual governo. A própria presidente, os mi...

Na rota da Argentina

Em julho do próximo ano, o Plano Real completará vinte anos. Nesse período, os brasileiros descobriram como é viver num país normal. Várias etapas difíceis foram s...

Dificultando os negócios

Enquanto o governo atual gasta bilhões de reais concedendo subsídios creditícios e isenções tributárias a setores escolhidos por seus tecnocratas, sem qualquer crit...

Uma política econômica padrão-Fifa

Os recentes protestos no Brasil, em oposição aos observados na Europa, e também nos EUA como movimento Occupy Wall Street, não tiveram motivações macroeconômicas, ...

O fantasma dos anos cinquenta

por Pedro Ferreira e Renato Fragelli Neste momento em que a indústria brasileira passa por mares revoltos devido à crescente valorização cambial, mais do que nunca se...

Os três governos de Lula

Por Pedro C. Ferreira e Renato F. Cardoso Segundo muitos analistas econômicos, a condução da política econômica do governo Lula se dividiria em dois períodos distin...

Estado mínimo e o patrimonialismo

Amplos setores da sociedade brasileira, como a esquerda e parte da burocracia governamental, rejeitam a ideia do Estado mínimo, que seria ideologia advogada, entre outro...