Arrecadação cresce 17% no 1º semestre

O Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT) registrou que os cofres públicos municipais, estaduais e federal aumentaram a sua arrecadação em 17,2% no primeiro semestre de 2011, na comparação com o mesmo período do ano passado. O órgão divulga o número a partir do Índice de Variação da Arrecadação Tributária.

A tributação em efeito cascata, que onera o consumidor ao embutir o imposto no preço final do produto é o principal fator que leva ao aumento da arrecadação. O presidente do IBPT, João Elói Olenike afirma que o consumidor é o que acaba arcando com gastos com PIS, Cofins, INSS e outros encargos da folha de pagamento: “Portanto, quanto mais ele compra, mais tributos paga. E isso contribui ao aumento da arrecadação”, explica.

O aquecimento da economia, por conta do aumento do poder de compra e à estabilidade no emprego, é  outro fator que eleva a arrecadação.

Fonte: IBPT

Leia mais no site do Instituto Millenium no artigo “Reforma tributária e poder”, de Everardo Maciel.

RELACIONADOS

Deixe um comentário