Câmara prevê gastar até R$ 26 milhões com vigilantes

seguranca-iloveimg-resized-iloveimg-cropped

A Câmara dos Deputados abriu licitação para contratar uma empresa de segurança para cuidar da vigilância das instalações da Casa, incluindo a residência oficial do presidente. A previsão é gastar até R$ 26 milhões com a contratação de 262 profissionais. Uma das exigências do edital é que os profissionais usem terno com “tecido Oxford de primeira qualidade”.

Na quarta-feira (16), manifestantes invadiram o plenário da Câmara, pondo em xeque a eficácia da segurança da Casa.

Fonte: “Época”.

 

RELACIONADOS

Deixe um comentário