Câmara dos Deputados compra Iphones por R$ 21,6 mil

A Câmara dos Deputados comprará oito celulares do tipo Iphone S4 para autoridades por R$ 21,6 mil. A aquisição, segundo o órgão, é necessária para dar a maior flexibilidade possível ao trabalho. De acordo com o edital que garantiu a compra, futuramente a Casa ainda deve celulares celulares do tipo Galaxy S4 (Samsung), Optimus GE977 (LG), Xperia ZQ (Sony) e Moto X (Motorola).

Horas extras

Além disso, a Casa reservou o pagamento de R$ 88 mil em horas extras. Neste caso, serão pagos aos motoristas dos veículos oficiais para atender as despesas com serviços extraordinários até o fim deste mês.

Proteção para Renan

Já os carros para os deslocamentos do Presidente do Senado Federal, Renan Calheiros, e sua segurança no Distrito Federal a partir do final deste mês até o fim do ano custarão R$ 163,2 mil. Serão locados 24 veículos do tipo Sedan, de três volumes, V6. Sendo metade deles blindados. O contrato não inclui motorista e nem combustível.

Ração, animais e café

Os animaizinhos da Polícia Militar Federal terão um estoque de ração que chega a R$ 236 mil, o equivalente a 200 pacotes. A ração é do tipo superpremium e não é vendida no varejo, por ser compra exclusiva de órgãos públicos e criadores de grande porte. A ração especial fornece os nutrientes necessários para vitalidade e saúde dos cães no desempenho das funções na Polícia.

Para a tropa da Base Aérea de Fortaleza sobreviver em mais uma das missões na selva, será comprado um kit por R$ 570,00. Dentro dele, pode-se encontrar sete coelhos e oito fragos vivos.

Outro órgão que pensou em alimentos, no entanto, mais industrializados, foi a Secretaria do Superior Tribunal de Justiça. A corte comprará 17.340 pacotes de café torrado e moído por R$ 156 mil.

Motoqueiros no Colégio Militar

O Colégio Militar de Brasília pretende realizar uma compra que totalizará R$ 1,3 mil. Duas luvas de cano médio e duas jaquetas pretas e de couro de motoqueiros serão adquiridos, assim como os utilizados pelo Batalhão de Polícia do Exército de Brasília.

Eletrônicos

O Supremo Tribunal Federal pretende investir em alta tecnologia para seus escritórios. Ao todo, 69 monitores de LED, full HD, de 23 polegadas com a tecnologia IPS serão comprados por R$ 37,9 mil. Monitores com IPS são mais consistentes e permitem uma qualidade melhor de imagem.

Já a Secretaria do Superior Tribunal de Justiça, ao que parece, comprará a sessão toda de televisões. Serão adquiridas 32 televisões de diversos tamanhos, como 32, 42, 46 e 55 polegadas ao custo de R$ 76,8 mil.

Vale ressaltar que, a princípio, não existe nenhuma ilegalidade nem irregularidade neste tipo de gasto feito pela União e que o eventual cancelamento de tais empenhos certamente não ajudaria, por exemplo, na manutenção do superávit do governo ou em uma redução significativa de despesas. A intenção de publicar essas aquisições é popularizar a discussão em torno dos gastos públicos junto ao cidadão comum, no intuito de aumentar a transparência e o controle social, além de mostrar que a Administração Pública também possui, além de contas complexas, despesas curiosas.

Fonte: Contas Abertas

RELACIONADOS

Deixe um comentário