Deputados criticam a alta carga tributária praticada no Brasil

O site da Câmara dos Deputados informa que o deputados criticaram nessa quinta-feira (24), em sessão solene, os efeitos econômicos da alta carga tributária praticada no País.  O site aponta a pesquisa do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT) que revela que o brasileiro trabalha quase cinco meses por ano apenas para pagar impostos.

“Hoje, por exemplo, 51% do preço do açúcar correspondem a impostos pagos pelo contribuinte. No caso do café, são 50%”, observou o deputado Sandro Mabel (PMDB-GO), que propôs a solenidade para comemorar o Dia Nacional do Respeito ao Contribuinte (25 de maio).

Para o presidente da Câmara, Marco Maia: “Essa é uma realidade que não pesa apenas no bolso dos trabalhadores; onera também a produção nacional e reduz competitividade em relação a outros países, além de afastar investidores”, disse. Maia acredita que  o cidadão brasileiro deve saber quanto está pagando de tributos ao consumir uma mercadoria ou usar um serviço.

O site traz ainda o link para a íntegra da PL1472/2007, que propõe que os contribuintes sejam esclarecidos sobre os impostos que incidem em mercadorias e serviços, mas não traz nenhum comentário de deputados sobre a ineficiência dos serviços que os impostos dos contribuintes pagam.

RELACIONADOS

Deixe um comentário