Na terça, 2 de dezembro, diversas entidades do país e do mundo todo vão se mobilizar para a campanha #DiaDeDoar. A iniciativa busca estimular o ato da doação, como ferramenta de mudança para um mundo melhor e mais sustentável.

Para participar deste movimento, três das principais plataformas de crowdfunding na área social do país – Benfeitoria, Doare e Juntos.com.vc – se juntaram à campanha Doe Mais, Doe Melhor da Sitawi – Finanças do Bem* para lançar um desafio às organizações sociais brasileiras: levantar uma quantia recorde para um projeto social –500 mil reais.

“Nosso objetivo é promover a cultura da doação e o crowdfunding como ferramenta de financiamento coletivo para o terceiro setor e, principalmente, de mobilização de pessoas”, conta Ricardo Martins, coordenador do Desafio Brasil de Crowdfunding.

Para participar do desafio, ONGs de todo o Brasil têm até 28/11 para inscrever seus projetos sociais para crowdfunding aqui – no site da iniciativa. Uma banca vai avaliar as ideias inscritas e em 02/12, no #DiaDeDoar, serão divulgados os nomes dos 5 finalistas. O vencedor será escolhido por voto popular no portal do Desafio Brasil de Crowdfunding.

O projeto selecionado receberá 50 mil reais, que serão usados exclusivamente para divulgar a campanha de financiamento coletivo: produzir vídeo, investir em propaganda, planejar recompensas, elaborar memes e o que mais a criatividade permitir. Todo este processo contará com a consultoria das plataformas organizadoras do desafio. A campanha de crowdfunding deverá ser lançada em fevereiro.

Segundo o World Giving Index 2014, ranking que lista as nações que mais doam no mundo, dos 135 países analisados, o Brasil aparece na 90ª posição. Myanmar e Estados Unidos estão em 1º lugar, seguidos por Canadá, Irlanda e Nova Zelândia. “No Brasil, somente 40% das doações são feitas por pessoas físicas. Ainda há muito espaço para doar”, afirma Martins.

Se você tem um projeto social bacana e quer causar grande impacto no país, participe do Desafio Brasil de Crowdfunding. Com 500 mil reais, é possível mudar a vida de muitas pessoas.

Fonte: Super Interessante.

Deixe um comentário