Dnit contrata funcionários terceirizados para vagas destinadas a concursados

Cerca de 1,5 mil vagas destinadas a funcionários concursados são ocupadas por trabalhadores terceirizados no Departamento Nacional de Infraestrutura (Dnit).  O número de prestadores de serviços em situação irregular corresponde a metade do efetivo do órgão.

Segundo matéria publicada no “Estadão”, os funcionários terceirizados ocupam cargos em setores estratégicos como de engenharia, financeiro e administrativo.

Mais de metade das senhas do Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal (Siafi) – que permitem, por exemplo, autorizar ou bloquear pagamentos e fazer registros de inadimplência de empresas e órgãos públicos – estão nas mãos de terceirizados.

Na Coordenação-Geral de Meio Ambiente, responsável por obter cerca de 50 licenças ambientais por ano, além de negociar com órgãos como o Ibama e a Funai, 41 dos 50 funcionários são contratados. Na Coordenação-Geral de Planejamento, que programa investimentos e elabora o orçamento, são 40 entre 57 integrantes.

O Tribunal de Contas da União (TCU) aponta irregularidades em sucessivas auditorias e determina ajustes nos contratos de terceirização do Dnit, desde 2005. Dirigentes da autarquia chegaram a ser multados, em 2009, por não providenciar a contratação de pessoal.

Fonte: Estadão

 

RELACIONADOS

Deixe um comentário