Sábado, 3 de dezembro de 2016
Mantenedores mantenedores

Governo é ruim ou péssimo para 7 em 10 brasileiros

A avaliação do governo da presidente Dilma Rousseff ficou praticamente estável, mostra levantamento produzido pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT), em conjunto com a MDA Pesquisa, divulgado nesta terça-feira, 27. Entre os entrevistados, 70% avaliaram negativamente o governo da petista, na última pesquisa, divulgada em 21 de julho, o porcentual estava em 70,9% – a variação ficou dentro da margem de erro de 2,2 pontos porcentuais. O governo foi avaliado positivamente por 8,8% dos entrevistados, proporção superior a do levantamento anterior (7,7%).

De acordo com a pesquisa, 18,1% dos entrevistados avaliaram o governo Dilma como “ruim” e 51,9% consideraram-no “péssimo”. Já para 20,4% dos entrevistados o governo da petista é “regular”, enquanto para 7,5% ele é “bom”. Apenas 1,3% dos entrevistados classificou o governo como “ótimo”. O porcentual dos entrevistados que não souberam ou não responderam foi de 0,8%.

Com relação ao desempenho pessoal de Dilma, também houve oscilações dentro da margem de erro do levantamento. A desaprovação atingiu 80,7% enquanto a aprovação ficou em 15,9%. Em julho, o desempenho pessoal da petista era desaprovado por 79,9% dos entrevistados e aprovado por 15,3%. A mudança nos porcentuais se deu em razão da diminuição dos entrevistados que não sabem ou não responderam, que passou de 4,8%, na pesquisa de julho, para 3,4% no levantamento atual.

Foram entrevistadas 2.002 pessoas em 136 municípios de 24 unidades federativas entre os dias 20 e 24 de outubro de 2015. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, com 95% de nível de confiança. Isso significa que, em 100 pesquisas feitas com a mesma metodologia, 95 terão resultados dentro da margem de erro prevista pelo instituto

Fonte: O Estado de S.Paulo.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será publicado.