Governo leiloa mais três aeroportos brasileiros

Nesta segunda-feira, 6 de fevereiro, acontece o leilão de concessões dos três dos maiores aeroportos do Brasil. A partir das 10 horas, cerca de 11 consórcios disputarão, na sede da BM&FBovespa, a administração dos aeroportos de Guarulhos (SP), Viracopos (SP) e Brasília (DF).

Os consórcios candidatos, todos reunindo empresas brasileiras, têm como exigência a posse de um operador que tenha transportado ao menos 5 milhões de passageiros no ano passado. A Infraero, atual administradora dos aeroportos no Brasil, será sócia dos concessionários privados, com participação de 49% nos terminais. Os investidores que oferecerem ao governo o maior valor de outorga levam a concessão, sendo que um mesmo grupo não poderá ficar com mais de um empreendimento.

Os três aeroportos têm prazo de concessão diferentes. São 20 anos para Guarulhos, cujo preço mínimo estipulado é de R$ 3,4 bilhões, 25 anos para Brasília (R$ 582 milhões) e 30 anos para Viracopos (R$ 1,47 bilhões).

Os concessionários deverão investir cerca de R$ 16 bilhões nos aeroportos durante a concessão, sendo cerca de R$ 2,9 bilhões antes da Copa do Mundo de 2014. Além disso, os vencedores do leilão terão que ceder um percentual da receita bruta ao governo, dinheiro que será destinado ao desenvolvimento da aviação regional.

Segundo o jornal “O Globo”, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai financiar até 80% do investimento total previsto no edital do leilão para os três aeroportos.

Fonte: O Globo

RELACIONADOS

Deixe um comentário