Sábado, 3 de dezembro de 2016
Mantenedores mantenedores

Movimento Compre do Pequeno reúne 174 mil empresas

Com o objetivo de estimular a sociedade a consumir produtos e serviços fornecidos por micro e pequenas empresas, o Sebrae promove nesta segunda-feira, 5, o Movimento Compre do Pequeno. Em cerca de um mês, mais de 174 mil negócios aderiram a ação com o cadastro no site da iniciativa, segundo o último balanço divulgado pelo Sebrae, neste domingo, 4.

O dia 5 de outubro foi escolhido porque é o dia que o Estatuto da Micro e Pequena Empresa foi instituído. Na prática, o empresário faz o cadastro no site e informa ao consumidor que a empresa aderiu ao movimento. Assim, o consumidor pode comprar e incentivar o movimento nacional.

O empório ‘Os legítimos Quitutes de Minas’, localizado em São Caetano do Sul, na região do ABC, aderiu ao movimento. O proprietário Bruno Esper Garcia conheceu o movimento pela televisão e achou a proposta muito bacana, independentemente de ser dono de um pequeno negócio. Ele vai divulgar a adesão nas redes sociais da empresa e dentro da loja. Serão feitas degustações de queijos artesanias e promoção de alguns itens.

Segunda-feira, em geral, é um dia de bastante movimento no empório, quando os clientes acabam comprando produtos para abastecer a casa para a semana. Por isso, Garcia afirma que é difícil fazer alguma previsão de aumento de vendas em função do Movimento Compre do Pequeno.

Garcia nasceu em Poços de Caldas e mudou para São Paulo há 20 anos para estudar. Quando ia para Minas e voltava para São Paulo abastecido com os quitutes mineiros, a conversa dos amigos era sempre a mesma: só elogios para os doces e queijos. “Sou mineiro, amo a cultura alimentar mineira e vi uma oportunidade. Eu só consegui consumir os produtos quando ia para lá e quando voltava as pessoas falavam: que queijo espetacular, que doce de leite”, conta Garcia, que deixou a profissão de publicitário para empreender.

A loja, que fatura R$ 45 mil em média por mês, foi aberta há cerca de dois anos e tem uma variedade de 700 itens cadastrados. Hoje, na prateleira, são 450 produtos. Os campeões de venda são: queijos artesanais, doce de leite e goiabada. O empresário tem planos de crescimento para a empresa. O primeiro é franquear o negócio. O segundo é utilizar os alimentos vendidos para oferecer serviços.

Importância. De acordo com o Sebrae, os micro e pequenos negócios representam mais de 95% do total das empresas do País e respondem por 27% do Produto Interno Bruto (PIB) e 52% do total de empregos com carteira assinada.

Durante a campanha, o Sebrae apontou cinco razões para comprar dos pequenos negócios: perto da sua casa, é responsável por 52% dos empregos formais, o dinheiro fica no seu bairro, o pequeno negócio desenvolve a comunidade e comprar do pequeno negócio é um ato transformador.

O Sebrae-SP promove uma série de ações para a Semana do Empreendedor, de 5 a 10 de outubro. Estão programadas ações como atendimentos nos escritórios do Sebrae-SP, caravanas Sebrae Móvel, palestras, oficinas e orientações. Acesse a programação aqui.

Fonte: O Estado de S.Paulo.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será publicado.