Quarta-feira, 7 de dezembro de 2016
Mantenedores mantenedores

PIB cai e Brasil entra em recessão técnica

O Produto Interno Bruto (PIB) – que contabiliza todos os bens e serviços finais produzidos no país – teve queda de 1,9% nos meses de abril, maio e junho, em relação ao primeiro trimestre. No segundo trimestre o PIB alcançou R$ 1,43 trilhão. A economia já tinha enfrentado em queda nos meses de janeiro, fevereiro e março, quando caiu 0,7% (dado revisado).

Com esses resultados, divulgados nesta sexta-feira (28/8) pelo Instituto Brasileira de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil entrou em recessão técnica. A classificação é uma espécie de termômetro para medir o desempenho da economia. Com dois trimestres consecutivos com resultados negativos, já é possível ver que a economia não está crescendo. No entanto, para indicar uma recessão de fato seria necessário um conjunto de fatores como o aumento do desemprego, queda na produção e falência de empresas, segundo o G1.

A última vez que o Brasil entrou em recessão técnica foi no primeiro trimestre de 2014. Antes disso, durante a crise econômica mundial entre o último trimestre de 2008 e o primeiro de 2009.

Fonte: Época

Escreva um comentário

Seu e-mail não será publicado.