Confira o Índice Internacional de Direitos de Propriedade 2013

Na última terça-feira, dia 10 de setembro, foi lançado o Índice Internacional de Direitos de Propriedade 2013 (IIDP), que mede os direitos de propriedade material e intelectual de 131 países ao redor do mundo. A pesquisa foi realizada pela organização de advogados Property Rights Alliance, sediada em Washington, em parceria com 74 organizações internacionais que promovem a liberdade. No Brasil, o estudo contou com a contribuição do Instituto Liberdade, no Rio Grande do Sul.

Este ano o Brasil figura na 56ª posição do ranking, juntamente com o Panamá e atrás de países como Qatar (20ª), Chile (26ª) e Israel (29ª). Dos países do Mercosul, o Uruguai é o que aparece mais bem colocado, em 44ª posição. Argentina (96ª), Paraguai (113ª) e Venezuela (127ª) tiveram um fraco desempenho no ranking.

O Índice Internacional de Direitos de Propriedade é uma importante fonte de informação para a criação de políticas públicas e para empresas que precisam entender como os três pontos centrais dos sistemas de propriedade privada (ambiente legal e político, direitos de propriedade material e direitos de propriedade intelectual) são protegidos ao redor do globo.

Leia o relatório completo de 2013 (PDF em inglês)

RELACIONADOS

Deixe um comentário