Quinta-feira, 8 de dezembro de 2016
Mantenedores mantenedores

Quatro brasileiros entre os 50 melhores Ceos do mundo

Uma lista elaborada pela revista norte-americana Harvard Business Review apresenta quem são os 100 melhores CEOs do mundo. Dentre os nomes, quatro brasileiros se destacam na primeira metade do ranking.

Os critérios para a elaboração da lista sofreram alteração em 2015. Para este ano, quesitos como governança corporativa e responsabilidade social e ambiental (ESG, em inglês) passaram a compor 20% do resultado. Para esta parte, os dados foram obtidos através da empresa de pesquisas Sustainalytics. O restante é com base nas informações consideradas até 2014, de valor de mercado das companhias e seus resultados financeiros.

Quem lidera o ranking é Lars Rebien Sørensen, da farmacêutica Novo Nordisk. Segundo a Harvard Business Review, os dados apontam que “a companhia se beneficia, entre outras coisas, de sua decisão em oferecer insulina por um preço menor para consumidores de países em desenvolvimento, suas práticas transparentes de gestão e sua responsabilidade com testes em animais.”

As mudanças nos critérios fizeram com que o CEO da Amazon, Jeff Bezos, caísse da 1ª para a 87ª posição geral – se fossem considerados somente resultados financeiros, Bezos lideraria. Outra curiosidade: Martin Winterkorn, ex-CEO da Volkswagen, aparece em 20º da lista. Winterkorn renunciou no final de setembro, após estourar o escândalo de fraude mundial da empresa alemã.

Dentre os brasileiros, o melhor colocado é Carlos Brito, CEO da AB InBev, na 16ª posição. Roberto Setubal, do Itaú Unibanco, aparece em 24º; Carlos Ghosn, da Renault, em 40º; e Renato Alves Vale, da CCR, em 50º.

Benjamin Steinbruch, da CSN, saiu da lista este ano. Em 2014, aparecia na 66ª posição.

Fonte:Época.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será publicado.