Secretário de Segurança do Rio critica falta de apoio do Exército

O secretário de Segurança do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, assegurou que não vai recuar no combate ao tráfico, agradeceu o apoio da Marinha, que considerou fundamental para a a retomada do Complexo da Penha, elogiou a atuação da Polícia Civil, Militar e Federal, mas criticou o Exército, que “não ofereceu ajuda”, disse.

O secretário afirmou que o problema da insegurança no Rio não pode ser encarado isoladamente, mas como o problema da insegurança “de um país que vai sediar uma série de eventos internacionais”.

O Ministério da Defesa informou que o ministro Nelson Jobim  determinou às Forças Armadas o reforço do apoio ao governo do Rio de Janeiro nas operações de combate à onda de criminalidade que afeta a cidade. “A Operação de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) foi solicitada pelo Governador do Rio de Janeiro e autorizada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Serão enviados 800 homens do Exército para garantir a proteção dos perímetros das áreas que forem ocupadas pelas polícias”, disse ele.

Ainda nesta sexta-feira, 26, o governador Sérgio Cabral vai se reunir, com o ministro da Defesa, Nelson Jobim, e com o secretário de Segurança, José Mariano Beltrame, para discutir a estratégia de combate ao tráfico.

Fonte: jornal “O Globo”

RELACIONADOS

Deixe um comentário