Senado gasta R$ 36 mil com fitas adesivas

O TSE, por sua vez, reservou R$ 502,2 mil para a prestação de serviços de condução de veículos de apoio administrativo mediante alocação de postos de trabalho

Na lista de compras do Senado Federal nesta semana não faltaram “lacrações”. A Casa reservou R$ 36 mil para a compra de fitas adesivas. Na lista estão 10.250 unidades de fita adesiva transparente para empacotamento, 2.050 unidades de fita adesiva transparente para pacotes e 1.000 fitas adesivas crepe para empacotamento.

Manutenção de elevadores

Todo cuidado é pouco! O Tribunal de Contas da União (TCU) empenhou R$ 46,2 mil para a prestação dos serviços de manutenção preventiva e corretiva dos 18 elevadores instalados nos edifícios da Corte em Brasília.

Condução de veículos

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), por sua vez, reservou R$ 502,2 mil para a prestação de serviços de condução de veículos de apoio administrativo mediante alocação de postos de trabalho. O valor total do contrato é de R$ 1.902.874,90. A contratada deverá manter a regularidade fiscal e trabalhista da empresa durante toda a vigência do contrato, sob pena de se sujeitar às sanções administrativas por descumprimento contratual.

Café

Para se manter alerta, o TSE empenhou ainda R$ 26,4 mil para a compra de 3,5 mil pacotes de café em pó homogêneo, torrado e moído, do tipo superior, de primeira qualidade. Cada unidade possui o peso total de 500g, isto é, quase duas toneladas de café foram adquiridas.
Decoração

Já o Tribunal Superior do Trabalho (TST) está preocupado com a situação de seus automóveis. A Corte reservou R$ 5,7 mil para a prestação de serviços de recuperação de estofamento dos bancos de veículos da frota oficial do TST.

Novos ares

O TST ainda vai renovar o “ar” da Corte. Foram empenhados R$ 13,8 mil para a aquisição de quatro conjuntos de condicionadores de ar. Confira os tipos:

2 conjuntos de ar tipo air split high wall para parede de 22 mil BTU
1 conjunto de ar tipo air split piso/teto de 24 mil BTU
1 conjunto de ar tipo air split piso/teto de 36 mil BTU

Os equipamentos são condensadores e evaporadores, com sistema convencional, gás ecológico, acionamento através de controle remoto sem fio, monofásica, 220V.

*A princípio, não existe nenhuma ilegalidade nem irregularidade nestes gastos feitos pela União. O eventual cancelamento de tais empenhos não afetaria o resultado fiscal, por não representar redução significativa de despesas. A intenção de publicar essas aquisições é popularizar a discussão em torno dos gastos públicos para aumentar a transparência e o controle social.

Fonte: “Contas abertas”

RELACIONADOS

Deixe um comentário