Senadores empregam mais de 60 comissionados

Senado Federal (nova)

Quatro parlamentares ultrapassam limite permitido pela Casa, de 55 servidores. Eles alegam que não infringem normas

As regras internas do Senado estabelecem que cada gabinete parlamentar pode ter no máximo 55 servidores comissionados. Para alguns senadores, no entanto, sempre há espaço para mais um. Elmano Férrer emprega 73 comissionados, Fernando Collor 68, Hélio José 64 e João Alberto 62.

Procurados, os senadores Elmano Férrer e Hélio José argumentaram que têm direito aos cargos que extrapolam o limite por integrarem funções na Mesa Diretora (Elmano é terceiro suplente), em lideranças e em comissões (Hélio é vice-presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia). Eles dizem, portanto, que não infringem regras do Senado.

Collor e João Alberto não responderam às perguntas enviadas.

Fonte: Época

Deixe um comentário