As seis lições

No final de 1958 Ludwig von Mises proferiu seis conferências em Buenos Aires, Argentina, sobre uma política econômica liberal. Nessa época a Argentina se encontrava no começo de uma democracia fraca após anos sob a ditadura de Juan Domingo Peron. A ideia foi apresentar as bases do liberalismo a um público muito amplo, além dos círculos de especialistas que normalmente participam de debates sobre temas econômicos e sociais. Por isso, Mises utilizou uma linguagem bastante fácil. Também usou muitos exemplos concretos e corriqueiros para ilustrar as suas ideias. E, como sempre, não usou modelos matemáticos complicados.

Em 1979, seis anos após a morte de Ludwig von Mises, a sua viúva decidiu publicar as conferências, que mais tarde se tornaram bem conhecidas entre os Liberais, com o título: “As Seis Lições”. Os seis capítulos ou “lições” do livro se chamam: “Capitalismo”, “Socialismo”, “Intervencionismo”, “Inflação”, “Investimento estrangeiro” e “Política e ideias”.

Fonte: Instituto para a Liberdade.

RELACIONADOS

Deixe um comentário

1 comment

  1. Newton A. P. Bordin

    É uma pena para a Argentina que as autoridades do país ainda não tenham lido esse livro…