Desconfiança política e qualidade da democracia

“A desconfiança política e os seus impactos na qualidade da democracia”

Organizado por José Álvaro Moisés e Rachel Meneguello, o livro apresenta os resultados de pesquisa realizada pelo Núcleo de Pesquisa de Políticas Públicas (NUPPs), da Universidade de São Paulo (USP), e o Centro de Estudos de Opinião Pública (Cesop). Ao reunir dados do estudo, “A desconfiança dos cidadãos das instituições democráticas” (Edusp, 2013), complementa o quadro analítico introduzido pelo primeiro volume, que apresenta os resultados da pesquisa “Democracia e confiança: Porque os cidadãos desconfiam das instituições públicas”, lançado pela Edusp em 2010.

RELACIONADOS

Deixe um comentário

1 comment

  1. JOSUELITO BRITTO

    Obviamente, os cidadãos desconfiam por que o estado expande permanentemente o seu poder e capacidade de extorsão da economia privada, transformando aqueles em dóceis escravos de um sistema perverso. Enquanto isso, temos péssima segurança, educação, saúde, infraestrutura, justiça lenta e comprometida por alto grau de corrupção e despreparo técnico. Como, então, não desconfiar?