Quinta-feira, 8 de dezembro de 2016
Mantenedores mantenedores

As melhores cidades brasileiras para empreender

A Endeavor lançou a segunda edição do “Índice de cidades empreendedoras”, o principal estudo sobre empreendedorismo do país com a finalidade de tornar as cidades cada vez mais férteis para o crescimento das empresas.

Para incentivar o crescimento das empresas é imprescindível que as cidades estejam mais preparadas. Assim, o índice tem como objetivo ser a base para que as cidades entendam como oferecer melhores condições para que seus empreendedores possam crescer. O ponto de partida é identificar as principais forças e os desafios de cada uma para que o gestor público possa agir de forma precisa.

O estudo analisou 55 indicadores em sete pilares: ambiente regulatório, acesso a capital, mercado, inovação, infraestrutura, capital humano e cultura empreendedora. A segunda edição conta ainda com algumas melhorias, como a adição de casos de internacionais que podem servir como inspiração para as cidades pesquisadas. Além disso, houve um aumento em relação ao número de cidades avaliadas, que passou de 14 para 32, em 22 estados.

A pesquisa mostrou que São Paulo foi identificada como a melhor cidade para empreender no Brasil, por possuir o maior mercado do país e a maior oferta de capital para empreendedores, além de se destacar no pilar de inovação. Florianópolis aparece logo em seguida como a cidade com o melhor capital humano. A terceira posição é ocupada por Vitória, que não é líder em nenhum dos pilares do estudo, mas tem resultados expressivos em todos eles. Recife é a quarta colocada, apresentando avanços em alguns de seus indicadores, como capital humano. Além disso, a cidade também tem impostos mais baixos e processos burocráticos menos complexos do que a média do estudo. A quinta colocação é ocupada por Campinas, cidade do interior que apresentou resultados de destaque.

O estudo completo pode ser baixado aqui.


Ver todos os livros

Escreva um comentário

Seu e-mail não será publicado.