anistia

Uma questão de decência

Dias atrás, quando indagado sobre a possibilidade de anistia a políticos envolvidos em práticas delitivas, o eminente presidente da Câmara assim respondeu: “O Poder...

A revisão da anistia

Confesso estar impressionado, e não é de hoje, com o que me parece uma espécie de esquecimento quanto ao que foi feito, progressivamente, em matéria das instituiçõe...

A revisão da “Bolsa-Ditadura”

Parece que finalmente o TCU acordou para o manancial de dinheiro público destinado a indenizar – a título de “reparação histórica” – algumas ...

A decisão do STF sobre a anistia

A esperada decisão da Suprema Corte sobre a Lei da Anistia demonstrou a maturidade do Poder Judiciário brasileiro ao tratar temas polêmicos sem deixar-se influenciar p...

A esquerda em armas

O que está se tornando senso comum sobre o período da nossa história que vai de 1964 a 1985 tem a profundidade de um pires. É sobre esse recipiente que alguns buscam,...

UM MANIFESTO E SUAS MENTIRAS

O que seria da esquerda se fosse obrigada a renunciar à mentira? Não teria o que dizer nem como levar adiante a sua “luta”. Por que digo isso? Abaixo, reproduzo o t...

Eles não arriscavam a pele pela democracia

Já que o secretário de Direitos Humanos da Presidência da República, Paulo Vannuchi, está tão interessado em investigar a violação de direitos humanos pela ditadu...

Anistia é irreversível

Agora, em dezembro do ano que findou, dei-me conta de que completei 62 anos de formado em Direito e, naturalmente, lembrei-me dos professores que tive na Faculdade, falec...