Para Sérgio Lazzarini, a resposta é sim, mas não da forma que é feita atualmente