A crise deixou os reguladores financeiros em uma situação delicada. Seu papel é evitar que os bancos corram riscos excessivos,
Continue lendo