Os credores do Tesouro podem ficar mais tranquilos que os cidadãos e contribuintes brasileiros. O risco de calote soberano é
Continue lendo