Para José Álvaro Moisés, corrupção e a má gestão comprometem a avaliação dos cidadãos