Em relatório, agência de classificação de risco alerta para crescimento da relação dívida/PIB do país, que pode chegar a 62%
Continue lendo