“Na AL, é visível a deterioração econômica e política”, diz Paulo Roberto de Almeida.
Continue lendo