Em “Mensagem de uma mãe chinesa desconhecida” (Companhia das Letras, 2011), Xinran, jornalista e autora de “As boas mulheres da
Continue lendo