Domingo, 11 de dezembro de 2016
Mantenedores mantenedores

Tag: Líbia

Mais do mesmo

Merval Pereira

O Brasil tende a aderir aos principais países ocidentais e reconhecer o Conselho Nacional de Transição da Líbia como o verdadeiro governante do país, mas só depois que a Liga Árabe e outros países da região como o Egito, a Tunísia e a Autoridade Palestina deram seu “apoio pleno” aos ... Leia mais

O falso Khadafi no cadafalso

Tudo começou no Egito em que multidões nas praças, em protestos pacíficos, exigiam a renúncia do ditador Moubarak, há mais de vinte anos no poder, e a imediata abertura de eleições. À primeira vista, parecia um fenômeno puramente local. Mas, simultaneamente, em outros países islâmicos de etnia árabe, como a ... Leia mais

Variações sobre o tema Líbia

A intervenção na Líbia vem gerando, nos Estados Unidos, intensa polêmica sobre a legitimidade da ingerência na política interna desse país do norte da África. Muitos americanos argumentam que, na invasão do Iraque, pelo menos havia o pretexto de impedir o ditador Hussein de usar terrificante arsenal de extermínio que ... Leia mais

Valores e interesses

Demétrio Magnoli

O Brasil absteve-se de apoiar a intervenção ocidental na Líbia por temer uma “mudança de narrativa” da revolução árabe, explicou o ministro do Exterior, Antônio Patriota. Os bombardeios aéreos da coalizão começaram na undécima hora, quando as forças de Muamar Kadafi atingiam as entradas de Benghazi, cidade de 1 milhão ... Leia mais

Guerra por óleo ou por princípios?

Paulo Guedes

Um dos maiores historiadores especializados em assuntos militares, o britânico John Keegan considerou a Primeira Guerra Mundial “uma guerra cruel e desnecessária”. Já sua avaliação da Guerra Civil Americana foi a de “uma guerra sem dúvida também muito cruel, mas não desnecessária”. Para Keegan, a Guerra de Secessão foi mais ... Leia mais

Coragem para elogiar

O jornalismo brasileiro tem a mania de agir como se a crítica fosse o único caminho capaz de afirmar independência de posições. Não é. Em certas circunstâncias, a defesa de determinados pontos de vista exige muito mais coragem do que é possível imaginar diante dos que sempre insistem em apontar ... Leia mais

Um novo tom

Merval Pereira

A nota oficial do governo brasileiro sobre a atual situação da guerra civil na Líbia é exemplar do novo rumo de nossa política externa. Não chegamos a pedir explicitamente a saída do poder de Muamar Kadafi, como fizeram Turquia e Índia, mas expressamos nossa “solidariedade” ao povo líbio “na busca ... Leia mais

A notícia como arma de guerra

Bucci

No domingo passado, antes que o dia raiasse, os habitantes de Trípoli foram acordados por metralhadoras. Quando ligaram a televisão, deram de cara com uma notícia oficialmente alvissareira: as tropas pró-Kadafi teriam dispersado os rebeldes em outras cidades e a artilharia que soava nas ruas da capital era simplesmente uma ... Leia mais

Otra vez el fin de la historia

Medio mundo árabe anda a la greña. Ciertos pueblos quieren cambiar el mundo en el que viven. ¿Por cuál? Lo más razonable sería que se acercaran a las naciones exitosas que han conseguido un grado razonable de estabilidad y prosperidad, para tratar de averiguar por qué han logrado prevalecer y ... Leia mais

Na tenda de Kadafi

Demétrio Magnoli

Muamar Kadafi foi muito mais longe que Hosni Mubarak em seus pronunciamentos desesperados, em meio à revolução. Ele se dirigiu aos líbios como faria uma potência ocupante descontrolada, ameaçando emitir uma ordem de extermínio geral. A queda dramática do tirano da Líbia tem importância geopolítica incomparavelmente menor que a do ... Leia mais

Fathi Terbil: “Já temos provas contra Kadafi”

Fathi Terbil

Ativista cuja prisão deflagrou revolta líbia diz haver evidências para julgamento internacional A Tunísia teve o seu mártir: o desempregado Mohamed Bouazizi, que ateou fogo ao corpo, desencadeando uma revolução que fez cair um ditador em alguns dias. A Líbia também tem seu herói, mas este está vivo: o advogado ... Leia mais

E ainda se duvida de milagre

Confesso minha perplexidade diante do quadro internacional. Começou ontem, de repente, sem chefes, e mais de um país já mudou de perfil, países que aparentavam solidez granítica. A novidade era mais realçada porque o fenômeno irrompeu de maneira espontânea e pacífica. Ditaduras adultas, quer dizer, velhuscas, trintenárias, desmaiaram repentinamente e ... Leia mais

O fim do ditador

Um argumento que volta e meia se ouvia enquanto o Brasil lutava para assegurar a estabilidade da moeda nos momentos seguintes à implantação do Plano Real era o de que o país estava conseguindo levar ordem para a economia sob condições menos favoráveis do que outros. Afinal, o fato de ... Leia mais