É errônea a crença de que os governos podem “resolver” a crise. O ajuste será gradual e doloroso O mundo
Continue lendo