Ministério Público Eleitoral considera que houve violação da legislação eleitoral