Sexta-feira, 9 de dezembro de 2016
Mantenedores mantenedores

Tag: Paulo Brossard

Guisado de tempo

Paulo Brossard

No longo período autoritário, foi imposto que dois, e apenas dois, seriam os partidos, o que era um erro e uma violência. Embora os primeiros resultados abonassem a novidade, era evidente que chegaria o momento em que a minoria se converteria em maioria, em razão dos erros inevitáveis dos governos ... Leia mais

Encalhado

Paulo Brossard

O Brasil atravessa momento impreciso, praticamente estacionado, tão mofino tem sido seu crescimento, coisa de 2% ao ano, dá a ideia de um navio encalhado. A perspectiva de melhoria significativa parece remota, enquanto a menos boa, lastimavelmente, é mais plausível, considerando a queda no crescimento do PIB e os dados ... Leia mais

Memórias póstumas versão light

Paulo Brossard

A ideia de popularizar livros simplificando a linguagem empregada pelo autor, com a finalidade de angariar leitores jovens, ensejou opiniões elogiosas e desfavoráveis. A meu juízo, há elementos a considerar: quem fará a adaptação, quem e como serão escolhidas as destinações e a quem compete escolher as obras e autores ... Leia mais

Mercancia eleitoral

Paulo Brossard

Semana finda, foi divulgado com precisão e clareza que a senhora presidente Dilma Rousseff nomeou Luiz Rondon para vice-presidente da Caixa Econômica Federal para obter o apoio do PTB à sua reeleição. Do personagem nomeado pouco se dizia, referindo-se apenas alguma relação com o mensalão. Até aqui, a notícia nua ... Leia mais

Discurso puramente eleitoral

Paulo Brossard

A tradição brasileira era no sentido de vedar a reeleição do presidente, mais tarde estendida aos governadores. Faz pouco, a regra foi abolida, sendo seus beneficiários os presidentes Fernando Henrique e Luiz Inácio, e agora a pretende a presidente Dilma. Não simpatizo com a ideia, a meu juízo, seus inconvenientes ... Leia mais

A poeira da violência

Paulo Brossard

Às vésperas da Semana Santa, período de recolhimento espiritual e meditação, ocorre em região tradicionalmente pacífica, delito inacreditável e de inédita malignidade. Mas dele basta lembrar. Realmente desejo comentar o fenômeno em sua generalidade. Não é de hoje que vem se noticiando o aumento e agravamento da violência. Em outro ... Leia mais

Adeus CPI

Paulo Brossard

Outro dia, falava eu em uma espécie de esquecimento que vem se notando entre nós, no tocante aos nossos usos e instituições e não imaginava estivesse a mim reservado assistir ao fenômeno em sua nudez. O que vem de ocorrer quanto às comissões parlamentares de inquérito é um duro e ... Leia mais

A revisão da anistia

Paulo Brossard

Confesso estar impressionado, e não é de hoje, com o que me parece uma espécie de esquecimento quanto ao que foi feito, progressivamente, em matéria das instituições nacionais, estaduais e também municipais. Dirigentes partidários, administradores de mérito, parlamentares de variado prestígio, pela lei da morte ou não, foram se extinguindo ... Leia mais

PeTerização da Petrobras

Paulo Brossard

Não é necessário ser douto para compreender a enormidade do que foi sendo feito com a Petrobras Em 2005 a empresa belga Astra Oil adquiriu a refinaria de Pasadena, no Texas, por US$ 42,5 milhões. No ano seguinte _ 2006 _, o Conselho de Administração da Petrobras, então presidido pela ... Leia mais

Cólica parlamentar

Paulo Brossard

Desaparecia de chofre a bancada submissa para dar lugar a outra, de perfil afirmativo Semana passada ocorreu no seio da Câmara dos Deputados um fato importante. Como é sabido ela vinha dando ao governo amplo e irrestrito apoio. Eis senão quando sucedeu o inesperado. Notícia envolvendo empresa holandesa acrescentava a ... Leia mais

Um morto e alguns “vivíssimos”

Paulo Brossard

O nomeado poderia ser tudo, menos pessoa de “ilibada reputação e notória capacidade” Foi enorme a repercussão do caso Pizzolato e não poderia deixar de ser, envolvia um diretor do Banco do Brasil, que pertence ao Brasil, pois a União Federal é seu maior acionista. O caso foi esquadrinhado e ... Leia mais

O macabro baile dos mascarados

Paulo Brossard

Tudo começou com manifestações que se distinguiram pela circunstância de apresentarem-se com máscara os manifestantes, o que impedia a identificação desses. Os mascarados permitiram-se a prática de atos ilícitos com danos materiais e morais, consistentes na depredação de prédios públicos, vitrines de estabelecimentos comerciais e bancários. Esta conduta se repetiu ... Leia mais

Credibilidade perdida

Paulo Brossard

Não são poucos os fatos que indicam, a meu juízo, a ocorrência de acontecimentos que podem adquirir feições desagradáveis. Por ora, limitar-me-ei a apontar dados de certa forma preliminares, mas incontroversos quanto à sua ocorrência e notórios no que pertine à autenticidade, uma vez que têm a chancela insuspeita do ... Leia mais

D’aquém e d’além-mar

Paulo Brossard

Ninguém pode negar que a eleição do líder do PT para chefia da nação teve repercussão até internacional. Em pouco tempo, um partido nascia, conquistava o Planalto e desfrutava a Presidência da República. Anunciava-se uma mudança no estilo de governar, embora nenhuma medida chegasse a ser enunciada. Não estranha que ... Leia mais

Amigos do rei

Em dias da semana finda esta folha (“Zero Hora”) estampou notícia que não era ignorada, mas chamou a atenção por seu conteúdo. Tratava-se da taxa dos juros cobrados pela generalidade dos bancos que chega ao inacreditável, o cartão de crédito e o cheque especial, em regra, envolvendo pessoas de patrimônio ... Leia mais

Atrás das grades

Paulo Brossard

Graças ao avanço das comunicações e a conivência de autoridades, os criminosos dirigem as ações de dentro do presídio para serem executadas fora dele. A administração nas penitenciárias passa a ser feita por facções de criminosos que concorrem com o Estado, e o resultado não é difícil de antever. Hoje, ... Leia mais

Voto obrigatório

Paulo Brossard

Houve tempo em que o voto não era obrigatório, como em outros países. Quando passou a secreto, também passou a ser obrigatório, ou seja, quando, por instâncias de Assis Brasil, que se transformara no estrênuo defensor da Justiça Eleitoral com suas prévias e implícitas medidas, o voto secreto e obrigatório ... Leia mais

Guerra psicológica

Paulo Brossard

Em sua mensagem de fim de ano a senhora presidente, em rede de rádio e televisão mencionou fatos, supostos ou reais, de suma gravidade; nada menos que uma “guerra psicológica” contra o Brasil. Isto dito por alguém do primeiro escalão, do segundo ou mesmo do terceiro já seria temerário, pelos ... Leia mais

Vestais dissolutas

Quando fundado o PT, seus integrantes eram, em regra, sindicalistas e alguns intelectuais. Por esta razão, ou por outra, o nascente partido tinha a pretensão de ser melhor que os demais. Proclamavam-se superiores. Eram os puros, enquanto os outros seriam os ímpios, ou de segunda categoria. Cedo, porém, ficou demonstrado ... Leia mais