poder judiciário

Juízes fora da lei

Carlos Alberto Sardenberg: "O juiz não pode, em nome de sua convicção pessoal, ignorar a legislação vigente e seguir uma outra"

Um Supremo dividido não é ruim

Marcos André Melo: "A cacofonia individual não é desejável, mas tem tido efeito positivo para a legitimidade política da corte em um contexto turbulento"

Corrupção — a hora do Supremo

Carlos Alberto Di Franco: "Está nas mãos do Supremo assumir o papel histórico de defesa da democracia e dos valores republicanos ou virar as costas para a cidadania"

Com o dedo na ferida

Na sexta-feira passada, houve no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) uma sessão um tanto incomum. Ao tomar posse como juiz efetivo do tribunal eleitoral, o desembargador f...

Um verdadeiro tiro no pé

O crédito é uma das instituições mais importantes para o bom funcionamento de uma economia de mercado. Ele permite aos agentes econômicos (famílias, empresas ou gov...