Adilson Luiz Gonçalves: "Que maravilha seria se todos fossem iguais em direitos e deveres"