Terça-feira, 6 de dezembro de 2016
Mantenedores mantenedores

Tag: Roberto Luis Troster

O preço do dinheiro no Brasil

dinheira_real-iloveimg-resized

Tem quase cem sinônimos: arame, bufunfa, cascalho, dindin, erário, fundos, grana, metal, níquel, pataca, pila, prata, tostões, tubos, verba e zinco, para citar só alguns. Tantas designações mostram sua importância. Já o preço do dinheiro só tem um nome: juros, mas com mais de uma centena de significados. São expressos ... Leia mais

Uma agenda ousada e corajosa

Roberto L. Troster

A luz no final do túnel está cintilando, o País vai crescer no ano que vem. A questão é quanto. Há mais de uma maneira de sair de uma recessão. A intensidade na superação de crises depende da exatidão do diagnóstico e da combinação das medidas adotadas. Na maioria das ... Leia mais

Dinheiro não aceita desaforo

Roberto Luis Troster

Há séculos, alguns princípios norteiam banqueiros na gestão de seus empreendimentos. São preceitos valiosos, porque asseguram a saúde financeira de suas instituições. Falhas na solvência são letais para bancos. Países e entidades subnacionais, mesmo tendo um gerenciamento financeiro fraco, não quebram, mas veem seu potencial de desenvolvimento encolher. Administrações temerárias ... Leia mais

Tributação do IOF – inoportuna, obsoleta e falha

A elevação da alíquota do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) para cartões pré-pagos, saques no exterior e cheques de viagem, entre os feriados de Natal e ano-novo, puniu brasileiros fora do País com 6% adicionais em seus gastos. A medida complementa outra anterior que aumentou o IOF nas transações com ... Leia mais

O Brasil tem pernas mancas ou cabeça dura?

As duas alternativas estão corretas e a primeira é consequência da segunda. O crescimento da economia brasileira está abaixo da média mundial e a menos da metade do que o de alguns vizinhos. É um quadro que não agrada, mas também não apavora. O futuro próximo tem algumas cascas de ... Leia mais

Intoxicação fiscal

A cada dia que passa, aumenta a preocupação com a malemolência do crescimento do país. A raiz do problema é que o remédio prescrito tem efeito perverso, como o de um veneno, e agrava a enfermidade. Na atual conjuntura, quanto maiores forem as despesas públicas, pior será o desempenho da ... Leia mais