Conferência de políticas para jovens no Mercosul acontece nesta sexta

logomercosul-principal

Leonardo Paes Neves

O especialista do Instituto Millenium e cientista político, Leonardo Paz Neves, será o mediador da “Conferência de Políticas de Juventude no Mercosul e seus desafios”, cuja transmissão pode ser conferida neste link. No evento, que acontece a partir das 8h desta sexta-feira, no Mendes Plaza Hotel em São Paulo, membros associados e plenos do bloco econômico falarão sobre suas experiências em políticas com foco na juventude. Esses debates serão compilados em um documento a ser distribuído em diversos países.

Na opinião de Paz Neves, todas as políticas voltadas para o público jovem devem considerar dois aspectos principais: a educação, no caso das crianças, e a capacitação, no caso dos jovens adultos. Segundo ele, esse tipo de política só será eficiente com a garantia da permanência e não apenas do acesso às instituições de ensino de qualidade.

Só faz sentido discutir sobre os jovens passando pela questão da educação e da capacitação

Além da instrução, Paz Neves acredita que os governantes devem ouvir e incorporar às demandas da juventude a pauta política. Para o cientista político, esses são os passos que devem ser seguidos se quisermos “inserir os jovens no mercado e torná-los produtivos”.

Paz Neves destaca dois desafios principais para a implementação de políticas públicas de sucesso na educação e nos outros setores da sociedade: a avaliação dos resultados alcançados e a obtenção de um consenso sobre as propostas apresentadas. Para ele, é essencial mensurar o impacto das atuais e futuras iniciativas focadas no público jovem. Esse acompanhamento deve ser feito desde a criação dos programas. “Sem avaliação não há como medir o sucesso do projeto”, afirma.

Outra preocupação do cientista político é com relação a duração das políticas públicas. “Infelizmente em boa parte das democracias atuais, as políticas públicas não duram mais de quatro anos. A principal solução para isso é o consenso na criação de políticas de médio prazo, entre 10 e 15 anos”. Isto é, tem que haver uma discussão com a sociedade e com especialistas, para que seja firmado um compromisso em torno das decisões sobre o modelo de educação que o Brasil pretende adotar nos próximos anos.

O professor de Direito e Relações Internacionais da Universidade da Grande Dourados e especialista do Millenium, Henrique Sartore, fará o encerramento do encontro. A Conferência ocorrerá das 8h às 18h no Hotel Mendes Plaza, localizado na Avenida Marechal Floriano Peixoto, nº 42, em Santos-SP.

RELACIONADOS

Deixe um comentário

1 comment

  1. Tradução Simultânea Millennium

    Foi uma honra trabalhar na tradução simultânea deste evento e ver que os países do Mercosul e outros aliados tratam a questão da juventude com tanto seriedade.