Oscar Vilhena: “O brasileiro não se dá bem com a ideia de direito”

oscar vilhena vieira

Durante o painel “Estado de Direito, liberdade e políticas públicas”, na Casa da Liberdade, evento paralelo a Flip 2016, Oscar Vilhena, advogado e cientista político, analisou o pensamento social brasileiro e carimbou: “Se nós pegarmos todo o pensamento social brasileiro, desde Alberto Torres, passando por Oliveira Viana, Gilberto Freire, Sérgio Buarque de Holanda, até Roberto DaMatta, no dias de hoje, todos eles acreditam de que nós não nos damos bem, não nos sentimos confortáveis, com a ideia de direito”.

Vilhena explicou que o conceito de homem cordial, de Sérgio Buarque de Holanda, é a síntese dessa característica da sociedade brasileira. “Nós reagíamos com o nosso coração na esfera pública”.

Assista!

Deixe um comentário