Domingo, 4 de dezembro de 2016
Mantenedores mantenedores

“Eu acredito que jovens vão nascer com uma cabeça diferente e mudar o país”, diz Aranha.

Quer fazer seu empreendimento se destacar no mundo dos negócios, mas não sabe como chegar lá? O Instituto Gênesis oferece apoio aos empreendedores que estão construindo sua empresa ou desejam ampliá-la. Unidade complementar da Pontifícia Universidade Católica (PUC-Rio), o instituto funciona como semeadora, germinadora, incubadora e aceleradora de empreendimentos. Na prática, impulsiona as jovens empresas para que elas possam se consolidar no mercado e crescer. Mais de 90% dos 160 negócios desenvolvidos no Instituto Gênesis permanecem vivos. “O faturamento das empresas que nasceram aqui já chega a R$ 2,8 bilhões por ano”, conta José Alberto Sampaio Aranha, diretor do Instituto Gênesis. Os candidatos selecionados ingressam na germinadora ou na incubadora, em um processo que pode durar de seis meses a três anos, dependendo do grau de maturidade empresarial de cada projeto. Para se inscrever no processo de seleção, que tem duas fases e dura quatro meses, basta acessar o site do instituto e preencher o formulário de inscrição. Aranha explica que a incubadora também oferece curso de capacitação de empreendedores. “No ano passado, 10 mil pessoas foram treinadas”, conta ele, acrescentando que é importante disseminar a cultura empreendedora entre os jovens: “O ambiente para empreender vai ficar melhor ou pior dependendo da cultura dos jovens. Eu sempre acreditei muito nos movimentos de baixo para cima, e não de cima para baixo. Eu não fico esperando que alguém do governo acorde de manhã para fazer alguma coisa que mude o país. Eu acredito que jovens vão nascer com uma cabeça diferente e que vão mudar o país”, diz Aranha. Assista ao vídeo.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será publicado.