Quinta-feira, 8 de dezembro de 2016
Mantenedores mantenedores

José Carlos Cavalcanti: “Universidades precisam interagir com empresas”

A universidade precisa avançar e interagir com as empresas

José Carlos Cavalcanti (foto interna)Professor do Departamento de Economia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), José Carlos Cavalcanti acredita que as universidades no Brasil precisam avançar na parceria com empresas para que o mercado de inovação cresça no país. “Os centros de conhecimento são vitais para a inovação. No Brasil, temos feito isso, mas timidamente porque o modelo de universidade no país é muito atrasado. A burocracia impera e atrapalha”, explicou ele, acrescentando que as universidades, atualmente, têm um novo papel. “Elas precisam interferir no domínio econômico com novas regras, desafios e filosofias. A gente ainda não abraçou essa missão. Temos que instaurar isso no Brasil”.

Sócio-fundador da Creativante, empresa que desenvolve estudos, pesquisas e projetos econômicos em diversas áreas, Cavalcanti diz que as políticas públicas de fomento à inovação continuam sendo importantes, mas devem se adequar aos novos tempos. “A lógica dominante não é mais a da era industrial, mas a do serviço. Nossas estratégias e políticas têm que convergir para essa perspectiva”. Especialista do Instituto Millenium, Cavalcanti é autor de “Effects of IT on Enterprise Architecture, Governance and Growth”, publicado, em outubro de 2014, pela editora norte-americana IGI-Global (http://bit.ly/1yFR0zr). Ele ainda mantém um blog de economia e tecnologia: https://jccavalcanti.wordpress.com/. Ouça o podcast.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será publicado.