Promoção “Além da euforia” – Encerrada


O Instituto Millenium vai presentear as duas melhores respostas para a seguinte pergunta:

“O que mais prejudica o desenvolvimento brasileiro nos dias de hoje?”

“Além da euforia” (Campus, 2012) fala sobre a “metade vazia do copo” no que se refere ao desenvolvimento econômico brasileiro. Apesar de vivenciarmos uma aparente estabilidade econômica, por detrás dos resultados exuberantes há sinais preocupantes, que apontam para fragilidades do nosso sistema econômico e colocam em xeque seu equilíbrio dinâmico em longo prazo.

Sem negar o muito que se avançou nos governos mais recentes, Armando Castelar Pinheiro e Fabio Giambiagi apresentam uma perspectiva do que ainda falta para o país estar preparado para enfrentar os maus momentos inerentes aos ciclos econômicos. Os autores se valem da experiência acumulada em vários anos de participação no debate econômico nacional para oferecer uma avaliação do desempenho atual da economia brasileira e dos desafios que ainda temos pela frente, trazendo à tona os pontos vulneráveis de temas como educação, infraestrutura, gasto público, entre outros.

A partir da leitura desta obra, será possível avaliar os problemas ainda existentes e que precisam ser resolvidos para que o desenvolvimento observado nos últimos anos seja não apenas uma euforia, mas um processo duradouro.

Vencedores:

O que mais prejudica o desenvolvimento do Brasil é o aparelhamento ideológico do Estado, com inúmeros desvios éticos, vide os casos de corrupção que assolam o país. Além disso não se providencia uma política macroeconômica que privilegie o crescimento a longo prazo. Claro que estes problemas estão interligados a outros, tão ou mais graves, como o descaso, principalmente, na educação. Roberto Oliveira Rocha

Desenvolvimento não se traduz apenas no PIB do país. O desenvolvimento em sua plena concepção engloba várias questões, mas sem dúvida o Brasil, nos dias de hoje, estagnou em um dos principais, que é a EDUCAÇÃO. Sem ela o país perde competitividade em um mundo que cada vez mais almeja novas soluções para os novos desafios que surgem em cadeia global. Educação é o pilar do desenvolvimento integral. Ricardo Sousa Oliveira Castro

RELACIONADOS

Deixe um comentário